MARANHÃO

BAIXO PARNAÍBA

BRASIL e Mundo

ELEIÇÕES 2020

Videos

Você está em

Polícia prende três pessoas por homicídio e ocultação de cadáver em São Luís

De acordo com a polícia, a vítima teria sido torturada e morta durante uma emboscada. Crime foi registrado durante o Carnaval, no bairro São Raimundo na capital


G1 MA 

Luís Henrique Fernandes Filho, Alexandre Santos Silva e Layane Santos Santana são suspeitos de participar de homicídio e ocultação de cadáver em São Luís. — Foto: Divulgação/SSP-MA
Luís Henrique Fernandes Filho, Alexandre Santos Silva e Layane Santos Santana são suspeitos de participar de homicídio e ocultação de cadáver em São Luís. — Foto: Divulgação/SSP-MA

A Polícia Civil do Maranhão prendeu três pessoas por suspeita por homicídio e ocultação de cadáver durante o Carnaval deste ano, no bairro São Raimundo, em São Luís. Segundo a polícia, Marcelo Alves dos Reis teria sido vítima de uma emboscada.

Layane Santos Santana, Luís Henrique Fernandes Filho, o “Luzinho” e Alexandre Santos Silva, o “Xande foram presos em casa. De acordo com a Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP), Layane foi presa após se apresentar a delegacia, pois já havia sido intimida a prestar esclarecimentos à polícia e estava com um mandado de prisão em aberto.

Segundo o com a Polícia Civil, a vítima teria sido atraída por Layane e outra adolescente não identificada, para o bairro São Raimundo durante o período carnavalesco. Marcelo Alves seguiu com duas jovens, já que segundo as investigações, ele teria um relacionamento com a adolescente.

Ao descobrirem que a vítima estaria indo ao bairro, Luís Henrique Fernandes e Alexandre Santos tramaram uma emboscada para o jovem. Marcelo Alves foi domado por vários homens e adolescentes armados, em seguida levado para um matagal na região do bairro Tirirical, onde foi torturado e morto. Após o crime, os suspeitos enterraram o corpo da vítima em uma cova clandestina.

Segundo a SHPP, as investigações ainda não foram finalizadas, já que o corpo de Marcelo Alves ainda não foi encontrado. A adolescente que tinha um envolvimento amoroso com a vítima será investigada pela Delegacia do Adolescente Infrator (DAI).

Antenor Ferreira

Jornalista chapadinhense, 33 anos, apresentador de rádio e TV, e redator dessa página. Obrigado por sua visita! Siga-nos no insta: @antenor.oficial

Nenhum comentário:

Participe! Deixe seu comentário

Internet de qualidade é com:

Internet de qualidade é com:
Essa uso e indico!

Clique na imagem e confira!

Nos Siga no Facebook

Mais lidas da semana

Ouça a rádio voz de arari!

Arquivo da página