MARANHÃO

BAIXO PARNAÍBA

BRASIL e Mundo

CRIMES

Videos

Você está em

Babá suspeita de envenenar gêmeas em São Luís tem prisão preventiva decretada

A babá Givanny Raquel Silva de Oliveira, de 23 anos, teve prisão preventiva decretada pela Justiça do Maranhão, nesta terça-feira (5). Ela é suspeita de envenenar duas crianças gêmeas de quatro anos, no bairro Araçagy, São José de Ribamar.
A decisão foi tomada em uma audiência de custódia realizada no Fórum de São Luís. Gilvanny permanecerá em cárcere no Complexo Penitenciário de Pedrinhas. 

Segundo a Polícia Civil, as investigações devem ser encerradas no prazo de 10 dias, período em que serão ouvidos ainda os pais das crianças e mais duas empregadas, com o objetivo de descobrir se a babá já tinha usado o remédio controlado antes, para dopar as crianças. 

O caso está sobre responsabilidade da Delegacia de Polícia Civil do Aragaçy, região Metropolitana de São Luís. Givanny Raquel Silva de Oliveira não tem passagem pela polícia e deve responder por tentativa de homicídio.

As crianças estão em recuperação em um hospital, e seguem com quadra de saúde estável.

Peritos do Instituto Médico Legal - IML devem visita-las para realizar exames de corpo de delito, que apontará se as crianças corriam alto risco de morte por conta do medicamento. 
 
Gilvanny  foi presa em flagrante neste domingo (3). A Polícia ela confessou o uso da medicação mas crianças, segundo elas para que ambas dormissem.

A babá  trabalhava na casa da famílias há seis meses.
 
Siga o blog no FacebookInstagramTwitter YouTube

Antenor Ferreira

Jornalista chapadinhense, 33 anos, apresentador de rádio e TV, e redator dessa página. Obrigado por sua visita! Siga-nos no insta: @antenor.oficial

Nenhum comentário:

Participe! Deixe seu comentário

Clique na imagem e confira!

Clique na imagem e saiba mais!

Nos Siga no Facebook

Mais lidas da semana

Ouça a rádio voz de arari!

Arquivo da página