MARANHÃO

BAIXO PARNAÍBA

BRASIL e Mundo

CRIMES

Videos

Você está em

Levantamento aponta que contágio pelo coronavírus se mantém alto no interior do MA e diminui em São Luís

Com exceção de São Luís, ritmo de contágio em todas as outras regiões do estado ainda é considerado ruim pela plataforma Farol Covid 


O ritmo de contágio pelo novo coronavírus ainda se mantém alto pelo interior do Maranhão e está desacelerando na capital São Luís. É o que aponta o levantamento da plataforma Farol Covid, que analisa a situação em várias cidades do país que foram afetadas pela pandemia.
Meninos com carregamento em cima de jumentos pelo interior do Maranhão — Foto: Douglas Júnior/O Estado

O FarolCovid é desenvolvido pela Impulso, uma organização não-governamental sem fins lucrativos cujo objetivo é criar capacidade analítica em governos.

Também simbolizado por Rt, o "ritmo de contágio" é um número que traduz o potencial de propagação de um vírus: quando ele é superior a 1, cada infectado transmite a doença para mais de uma pessoa e a doença avança.

"Quando esse número é menor que 1, isso quer dizer que há doentes que não transmitem a doença a mais ninguém e nossa expectativa é que a curva da doença passe a se inclinar para baixo", disse Ana Paula Pellegrino, coordenadora de Tecnologia e Dados na Impulso. 

Analisando cidades em todas as regiões do Maranhão, é possível perceber que o ritmo de contágio é alto no interior do estado e tem melhorado na capital.

São Luís, por exemplo, é a quarta capital com menor ritmo de contágio pelo novo coronavírus no Brasil. Por outro lado, Caxias e Santa Inês estão com números altos, o que aponta um risco maior de colapso no sistema de saúde em decorrência da Covid-19.

Apesar da avaliação ruim na maioria das regiões do Maranhão, a plataforma considera que a tendência é de melhora no ritmo de contágio.

Novo coronavírus no Maranhão

Nesta terça-feira (17), o Maranhão chegou a 62.711 casos confirmados do novo coronavírus, segundo a Secretaria de Estado da Saúde. Só nas últimas 24h foram registrados 2.172 casos novos da doença no estado, que já matou 1.537 pessoas. Ao todo, 36.970 pessoas estão curadas da Covid-19.

Antenor Ferreira

Jornalista chapadinhense, 33 anos, apresentador de rádio e TV, e redator dessa página. Obrigado por sua visita! Siga-nos no insta: @antenor.oficial

Nenhum comentário:

Participe! Deixe seu comentário

Internet de qualidade é com:

Internet de qualidade é com:
Essa uso e indico!

Clique na imagem e confira!

Nos Siga no Facebook

Mais lidas da semana

Ouça a rádio voz de arari!

Arquivo da página