MARANHÃO

BAIXO PARNAÍBA

BRASIL e Mundo

CRIMES

Videos

Você está em

Tiro contra publicitário Diogo Adriano partiu de dentro de carro após discussão em condomínio em São Luís, aponta polícia

A Polícia Civil identificou o carro usado no assassinato do publicitário Diogo Adriano Costa Campos, no início da tarde desta terça-feira (16), em São Luís. Se trata de um carro vermelho, de placa PTJ-2844. O suspeito do crime foi identificado pela polícia como Ayrton Campos Pestana. À noite, ele se apresentou na Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP), acompanhado de um advogado, para prestar depoimento.
Polícia analisa imagens de câmeras de segurança em investigação da morte do publicitário Diogo Adriano — Foto: Divulgação/Polícia Civil
As investigações usam imagens de câmeras de segurança da região e mostram a dinâmica do crime. Em entrevista à Rádio Mirante AM, o delegado Wang Chao Jen disse que o homicídio aconteceu após uma longa discussão, que se iniciou em um condomínio na região.

"Ele [criminoso] saiu do condomínio em um carro vermelho e um outro carro [do Diogo] o fechou. Na discussão posterior, o condutor do veículo efetuou um disparo que atingiu mortalmente o Diogo", afirma o delegado. 
Carro identificado pela polícia como sendo do criminoso que matou o publicitário Diogo Adriano — Foto: Divulgação/Polícia Civil
Informações preliminares apontam ainda que o autor do crime atirou contra a vítima de dentro do carro, já que a perícia não conseguiu recolher a cápsula da bala que matou o publicitário.

Diogo Adriano Costa Campos tinha 41 anos e era sobrinho-neto do ex-presidente da República, José Sarney. Ele deixa uma filha.

As informações são do G1 MA 

Antenor Ferreira

Jornalista chapadinhense, 33 anos, apresentador de rádio e TV, e redator dessa página. Obrigado por sua visita! Siga-nos no insta: @antenor.oficial

Nenhum comentário:

Participe! Deixe seu comentário

Clique na imagem e confira!

Nos Siga no Facebook

Mais lidas da semana

Ouça a rádio voz de arari!

Arquivo da página