MARANHÃO

BAIXO PARNAÍBA

BRASIL e Mundo

CORONAVÍRUS

Videos

Arquivo da página

Ex-prefeito Magno Bacelar e então secretário Eli Monteiro são alvos de processo após sumiço de mais de 145 mil reais da Saúde de Chapadinha

 O recurso que pertence ao Fundo Municipal de Saúde é referente a UPA

Antenor Ferreira


O verdadeiro perfil da gestão do ex-prefeito de Chapadinha, Magno Bacelar, em especial na área da Saúde, começa a vir a tona.

Os advogados Lourival Soares da Silva e Natália dos Santos Meneses, ajuizaram no Ministério Público Federal - MPF, o processo de Nº 1047176-13.2021.4.01.3700, que trata de uma ação de IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA, contra o ex-prefeito Magno Bacelar e o então secretário de saúde do município, Eli Monteiro. 

Na ação também é inclusa a empresa NORDCOM - NORDESTE REP. DISTRIBUICAO E COMERCIO EIRELI, inscrita no CNPJ 20.896.342/0001-49, Rua São Jeronimo, 179, Cruzeiro de Santa Barbara, CEP: 65059- 820, São Luís – MA. 

Da construção da Unidade de Pronto Atendimento do município - UPA, iniciada na gestão da hoje novamente prefeita Ducilene Belezinha, restou um saldo na conta do Fundo Municipal de Saúde - Secretaria de Saúde, no total de R$ 145.073,76, valor esse que ficou rendendo mês a mês, conforme extratos bancários em anexo no processo. 

Estranhamente dia 08/12/2020, no último mês do mandato do então prefeito MAGNO AUGUSTO BACELAR NUNES, foi realizasa a transferência de valores do saldo remanescente da conta do Fundo municipal de Saúde, no valor de R$ 149.681,99 para a empresa NORDCOM - NORDESTE REP. DISTRIBUICAO E COMERCIO EIRELI,, isso sem qualquer contrato que legitimasse tal transferência, o que em suma caracteriza-se como um ato de IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA. 

Diante das claras evidências do crime, os adovgados pedem a indisponibilidade de bens de MAGNO BARCELAR, do ex-secretário Eli Monteiro e da emprsa NORDCOM, no valor de R$ 149.681,99 (cento e quarenta e nove mil seiscentos e oitenta e um reais e noventa e nove centavos), que corresponde ao dano causado ao patrimônio público. 

Agora é torcer que a justiça seja feita e esperar as justificativas do ex-prefeito, ex-secretário e dos poucos que ainda defendem essa desastrosa a superada gestão. 


Antenor Ferreira

Jornalista chapadinhense, 33 anos, apresentador de rádio e TV, e redator dessa página. Obrigado por sua visita! Siga-nos no insta: @antenor.oficial

Nenhum comentário:

Participe! Deixe seu comentário

Vamos ficar em forma?

Vamos ficar em forma?
Rua do Comércio - Centro, por trás do Armazém Paraíba

Nos Siga no Facebook

Mais lidas da semana