MARANHÃO

BAIXO PARNAÍBA

BRASIL e Mundo

CRIMES

Videos

Antenor Ferreira 

A mulher mais velha de Chapadinha/MA morreu na tarde desta terça-feira, 30. Informações de amigos dão conta que Maria Meireles, 113 anos, vinha sentindo-se mal há alguns dias, deixando inclusive de comer. Por volta do meio dia de hoje, para tristeza dos familiares, ela faleceu. 
Dona Maria Meireles, que residia no Baixão do Sapo, chegou a ter sua história contada no programa ZUANDO, quando esse que o escreve ainda integrava seu quadro. A época, mesmo já tendo uma idade centenária, familiares relataram que ela os reconhecia, e apesar da dificuldade auditiva, compreendia de maneira lúcida o que ocorria a sua volta. 

Deixamos nossos pêsames a família e amigos enlutados. 

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva escreveu, de sua cela em Curitiba/PR, uma carta ao presidente ds OAB, Felipe Santa Cruz, um carta, na manhã desta terça-feira;"Nada poderá reparar o sacrifício de seu pai, meu caro Felipe, nem a ofensa brutal que o vitimou mais uma vez"; no texto, Lula afirma que "o Brasil não merece ouvir as palavras de ódio" de Bolsonaro. 

Felipe Santa Cruz é filho de Fernando Santa Cruz, miitante do grupo Ação Popular (AP) desaparecido durante a ditadura militar e assassinado pelas Forças Armadas em 1974, conforme atestado num documento secreto da Aeronáutica (aqui). Pai e filho têm sido alvo de ataques brutais de Bolsonaro. 

Veja carta: 

Antenor Ferreira 
Câmeras do circuito interno de uma farmácia no centro do município de Chapadinha/MA, flagraram a ação delituosa de uma andarilha, que aproveita a distração de funcionários para esconder um produto, dentro de uma sacola escura.  

O furto foi flagrado na tarde desta terça-feira, 30. Ao perceberem que o produto havia sido extraviado, funcionários impediram a andarilha de sair do local, recuperando a mercadoria. 

Não tivemos informações sobre registro de Boletim de Ocorrência. 

Assista abaixo o vídeo publicado pelo blog do Wagner Nascimento


Delegada concluiu inquérito sem indiciar o jogador; modelo afirma que foi agredida e estuprada por Neymar em um hotel em Paris


A Polícia Civil de São Paulo investiga se a modelo Najila Trindade Mendes de Souza cometeu falsa comunicação de crime ou denunciação caluniosa contra o jogador Neymar.
Na segunda-feira (29), a delegada Juliana Lopes Bussacos, titular da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), concluiu o inquérito que investigava suposta agressão e estupro por parte do jogador sem indiciá-lo. Agora, o Ministério Público tem 15 dias para se manifestar.

O diretor do Departamento Polícia Judiciária (Decap), Albano de Paula Santos, disse nesta terça (30) que “todo mundo que movimenta o estado, a polícia, por uma inverdade pode ser punido, e existe esta investigação, sim”.

Procurado pelo G1, o advogado Cosme Araújo, que defende Najila, disse que aguarda ter acesso ao relatório do inquérito para se pronunciar.

A investigação contra Neymar foi concluída pela delegada Juliana antes mesmo de chegarem ao Brasil as imagens do hotel onde Najila e Neymar se encontraram, em Paris, em 14 de maio.

“Ao longo do conjunto probatório, estas imagens não são imprescindíveis para a conclusão do inquérito”, disse Juliana. “Não houve indícios suficientes para indiciar Neymar” disse a delegada. “Ao longo da investigação deliberei por ausência de elementos suficientes para tanto (para indiciar Neymar)”, disse.

“O delegado de polícia não se convenceu de que aquele crime ocorreu”, acrescentou o diretor do Decap.

Dois inquéritos

Agora, a Polícia Civil possui ainda dois inquéritos investigando o caso.

Um deles foi aberto voluntariamente pelos delegados após Najila noticiar que sumiu de sua casa um tablet que conteria o inteiro teor de um vídeo que mostraria Neymar lhe agredindo. Este inquérito investiga também “todos os outros equipamentos que foram subtraídos no curso do inquérito”, disse a delegada responsável pelo caso, Monique Ferreira Lima, do 11º Distrito Policial da capital.

Este inquérito, segundo o diretor do Decap, reunirá todos os elementos em relação à denúncia de estupro feita por Najila no inquérito que acaba de ser concluído.

Outro inquérito foi aberto por iniciativa de Neymar e do pai dele, que peticionaram à investigação afirmando que houve denunciação caluniosa e extorsão por parte de Najila. Nestes dois inquéritos em andamento será apurado se outros crimes foram cometidos ao longo do caso.
Antenor Ferreira 
Como destaquei anteriormente, o período de férias no município de São Benedito do Rio Preto/MA, está sendo super animado. Além de gincanas, com a participação de alunos de diversas escolas, uma carreata e noite cultural marcou a programação do Iº Festival de Férias do município. 

A carreata reuniu os membros das equipes participantes da Gincana Jovem. Eles tomaram as ruas do município, com temas diversos, misturando descontração com consciência social. A ação serviu para despertar a população sambeneditense, sobre a necessidade de enfrentamento a vários   problemas sociais. 

Seguindo ainda a programação do Festival, a organização promoveu uma noite cultural, que reuniu diversas atrações na Praça da Rodoviária. Veja fotos: 



Fotos e informações: ASCOM 
Antenor Ferreira 
O concurso público realizado pela Prefeitura de Anapurus/MA, ao final do mandato da ex prefeita Tina Monteles, em 2016, foi anulado, segundo publicação do Diário Oficial. 

O decreto Nº 43/2019, que pode ser conferido AQUI, dispõe sobre a anulação do certame, organizado pelo Instituo Machado de Assis, alvo de denúncias em diversos municípios do Maranhão.  

Os candidatos têm o prazo de 60 dias para requerer junto ao instituto a devolução do valor referente a taxa de inscrição, com base no que rege o edital do certame. 

Confira todos os detalhes nos links abaixo: 

O deputado federal Hildo Rocha entregou, neste final de semana, um carro, cinco computadores, um bebedouro e freezer para o Conselho Tutelar de Grajaú. Os benefícios foram assegurados por meio de emenda individual do parlamentar.

A entrega aconteceu durante evento do qual participaram: o deputado Hildo Rocha; o prefeito Mercial Arruda; o deputado Arnaldo Melo, o vice-prefeito, Gleisom Torres; secretários municipais e vereadores.
“Os conselheiros tutelares de Grajaú precisavam de um carro novo para que eles pudessem trabalhar com mais facilidade, com maior agilidade e, consequentemente com mais eficiência, em defesa das crianças e dos adolescentes de Grajaú. Essa demanda foi atendida por meio de emenda que eu coloquei no orçamento da União e hoje temos a satisfação de fazer a entrega do carro, dos computadores, do frízer e do bebedouro”, destacou Hildo Rocha.
O prefeito Mercial Arruda falou sobre a importância do trabalho realizado pelo Conselho Tutelar e agradeceu ao deputado Hildo Rocha pela ação que resultou na aquisição do carro e do kit que foi destinado para a entidade.

“Nós estávamos precisando muito e será muito bem usado pelo nosso povo. É para isso que o governo existe, é para contribuir para o povo ser feliz é para melhorar a qualidade de vida. Isso nós estamos cumprindo com a ajuda da Câmara de Vereadores, com a ajuda dos deputados Hildo Rocha e Arnaldo Melo”, enfatizou Arruda.

“Deputado Hildo Rocha, prepare o seu gabinete para nos receber porque eu e o prefeito Mercial Arruda iremos lhe fazer muitas visitas em busca de mais benefícios para Grajaú e demais municípios do nosso Estado. A população de Grajaú precisava desse benefício que você propiciou a ela”, disse Arnaldo Melo.

“Sem dúvida nenhuma vai facilitar o nosso trabalho. Queremos agradecer ao deputado Hildo Rocha, ao prefeito e todas as autoridades que bondosamente concederam esse kit para que possamos melhorar o atendimento a toda nossa população”, afirmou Rogério Martins, do Conselho Tutelar.


Expoagra
Ainda como parte da agenda de trabalho desse final de semana, Hildo Rocha prestigiou a 42° Exposição Agropecuária de Grajaú (Expoagra). Ao lado do Arnaldo Melo, do Mercial Arruda e demais autoridades do município, o parlamentar visitou stands e assistiu apresentações de grupos folclóricos do município. A Expoagra é um dos eventos de maior significado para a economia do município e de toda a região.

Assista matéria: 

Antenor Ferreira 
Policiais da Delegacia de Polícia Civil de Morros/MA, à 101 Km de São Luís, prenderam nesta segunda-feira, 29, Tadeu Santos Diniz, vulgo Jardel, ou “soneca", acusado de homicídio e estupro, contra a jovem Maria Francisca Dutra Diniz. 

O crime ocorreu  5 meses atrás, em 24 de fevereiro deste ano. A participação do suspeito só foi provada após exame de DNA, da base da Secretaria de Segurança Pública. Foram realizados dois exames, o primeiro com material genético doado pelo pai do autor, e o segundo com material genético do próprio acusado. 

Os laudos apontaram que um dos filhos do pai do autor teria cometido o crime, e com o avanço das investigações foi comprovado que o material genético encontrado no corpo da vítima era de Tadeu. 

A família e população do município de Morros, foram tomadas pelo sentimento de justiça. 
Delegada do caso Neymar encerrou a investigação e deve justificar o não indiciamento em coletiva de imprensa nesta terça-feira (30)

A Polícia Civil de São Paulo concluiu nesta segunda-feira (29) as investigações da denúncia de estupro e agressão de Najila Trindade contra Neymar, e decidiu não indiciar o jogador.

Os detalhes sobre a investigação serão detalhados em uma coletiva de imprensa que será realizada nesta terça-feira (30) onde a delegada Juliana Lopes Bussacos da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher vai detalhar as razões que levaram ao não indiciamento do atleta.

Entretanto, após isso, o Ministério Público terá quinze dias para se manifestar sobre a decisão da polícia, assim como as promotoras do Grupo de Atuação Especial de Enfrentamento à Violência Doméstica que acompanharam o caso e que também podem pedir novas investigações, arquviar o caso ou até mesmo oferecer nova denúncia.
O documento se baseia nas denúncias feitas pelo site The Intercept, que revelam diálogos comprometedores entre Moro, Dallagnol e outros procuradores do Ministério Público
O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT); o governador do Maranhão Flávio Dino (PCdoB); o líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) Guilherme Boulos (PSOL); e o ex-senador Roberto Requião (MDB) assinaram uma nota, na qual defendem a liberdade de imprensa e pedem o afastamento do ministro da Justiça Sérgio Moro e do procurador Deltan Dallagnol de suas funções.

O documento se baseia nas denúncias feitas pelo site The Intercept, que revelam diálogos comprometedores entre Moro, Dallagnol e outros procuradores do Ministério Público.

Veja abaixo a íntegra da nota:

Nota em defesa da liberdade de imprensa e pelo afastamento de Moro e Dallagnol

Em face dos graves acontecimentos que marcaram os últimos dias no Brasil, vimos a público para

1-Manifestar a nossa defesa firme e enfática das liberdades de imprensa e de expressão, das quais é consectário o direito ao sigilo da fonte, conforme dispõe a nossa Constituição Federal. Assim sendo, são absurdas as ameaças contra o jornalista Glenn Greenwald, seja por palavras do presidente da República ou por atos ilegais, a exemplo da Portaria 666, do Ministério da Justiça. Do mesmo modo, estamos solidários à jornalista Manuela D’Avila, que não praticou nenhum ato ilegal, tanto é que colocou seu telefone à disposição para perícia, pois nada tem a esconder.

2-Registrar que apoiamos todas as investigações contra atos de invasão à privacidade. Contudo, desejamos que todo esse estranho episódio seja elucidado tecnicamente e nos termos da lei, sem interferências indevidas, como a praticada pelo ministro Sérgio Moro. Este agente público insiste em acumular funções que não lhe pertencem. Em Curitiba, comandava acusações que ele próprio julgaria em seguida. Agora, no ministério, embora seja parte diretamente interessada e suspeita, demonstra ter o comando das investigações, inclusive revelando atos sigilosos em telefonemas a autoridades da República.

3-Postular que haja o imediato afastamento do ministro Sérgio Moro, pelos motivos já indicados. Em qualquer outro país democrático do mundo isso já teria ocorrido, pois está evidente que Moro não se comporta de acordo com a legalidade, insistindo em espantosos abusos de poder. Do mesmo modo, a Lava Jato em Curitiba não pode prosseguir com a atuação do procurador Deltan Dallagnol, à vista do escandaloso acervo de atos ilícitos, a exemplo do comércio de palestras secretas e do conluio ilegal com o então juiz Moro.

4-Sustentar que é descabida qualquer “queima de arquivo” neste momento. Estamos diante de fatos gravíssimos, que merecem apuração até mesmo junto ao Supremo Tribunal Federal e ao Congresso Nacional, neste último caso por intermédio de Comissão Parlamentar de Inquérito. A República exige transparência e igualdade de todos perante a lei. Altas autoridades que estão defendendo a “queima de arquivo” parecem ter algo a temer. Por isso mesmo, nada podem opinar ou decidir sobre isso. A lei tem que ser para todos, de verdade.

5-Sublinhar que somos a favor da continuidade de todos os processos contra atos de corrupção ou contra atuação de hackers, e que todos os culpados sejam punidos. Mas que tudo seja feito em estrita obediência à Constituição e às leis. Neste sentido, reiteramos a defesa da liberdade imediata do ex-presidente Lula, que não teve direito a um julgamento justo, sendo vítima de um processo nulo. A nulidade decorre da parcialidade do então juiz Moro, já que os diálogos revelados pela imprensa mostram que ele comandava a acusação e hostilizava os advogados de defesa, o que se configura uma grave ilegalidade.

6-Por fim, lembramos que quando os governantes dão mostras de autoritarismo, esse exemplo contamina toda a sociedade e estimula violências, como a praticada contra os indígenas wajãpis, no Amapá, com o assassinato de uma liderança após a invasão do seu território. Cobramos do Governo Federal, especialmente do Ministério da Justiça, providências imediatas para garantia da terra dos wajãpis e punição dos assassinos.

Chega de “vale-tudo”, ilegalidades e abusos. Não queremos mais justiça seletiva e parcial. Queremos justiça para todos”.
Antenor Ferreira 

Buscando sempre fortalecer a produção local, gerando renda às famílias de pequenos produtores do município, a prefeita de Anapurus/MA, Professora Vanderly (PCdoB), anunciou o recebimento de 10 barracas padronizadas para a Feirinha do Produtor Rural. 
Prefeita Vanderly anuncia mais uma conquista para os produtores rurais do município 
A feira já é tradição no município e acontece nas tardes de sextas-feiras. Os equipamentos foram doados pelo governo do Estado. 

Vanderly também anunciou a criação da Feira da Mulher Artesã, que deverá acontecer aos sábados, garantindo assim mais renda às mulheres que exploram essa arte. 
Antenor Ferreira 

Populares encontraram na tarde desta segunda-feira, 28, o corpo de um idoso, aparentemente com mais de 60 anos, possivelmente vítima de execução. O idoso foi encontrado no município de Urbano Santos/MA, à 260 km de São Luís.  

O homem estava próximo a um campo de aviação, e foi encontrado já sem vida. Em seu corpo havia sinais de perfurações por disparos de arma de fogo, segundo testemunhas. 

Até o momento não há identificação da vítima, que se encontra no hospital do município. 

Veja vídeo do momento em que o corpo é resgatado por populares: 

Antenor Ferreira
Nota da prefeitura de Chapadinha é desmentida por familiares de paciente atendido por Levi Pontes 
Na manhã de hoje tornamos público a revolta de familiares, que se viram obrigados a pedir socorro ao médico e ex deputado Levi Pontes, para atender o pai que estava internado no "Complexo Hospitalar" Antônio Pontes de Aguiar, em Chapadinha/MA, que não tinha um único médico disponível no momento. (Reveja AQUI)

Não demorou muito para ser emitida uma nota onde afirmam que "em nenhum momento faltou médico". Acreditam nisso? 

A nota afirma que o paciente teria sido atendido primeiramente na UPA e após HAPA, que por sua vez o encaminharia ao Hospital Regional. 

Segundo a secretaria de saúde, Mônica Pontes, haviam na unidade três médicos. Veja nota na íntegra: 

“Sobre o atendimento do paciente Francisco de Paula Rodrigues, que gerou questionamentos a partir de comentários em redes sociais e notícias na imprensa, a direção do Hospital Antonio Pontes de Aguiar vem esclarecer conforme segue:

1 – O paciente em questão foi atendido na UPA, dia 28 de julho, e encaminhado ao HAPA e lá, de imediato, regulado para receber suporte do Hospital Regional de Chapadinha;

2 – Enquanto o paciente aguardava a vaga no Hospital Regional, o HAPA contava com a presença de 03 (três) médicos: Dr. Raimundo Santos Filho, Cirurgião Geral; Drª Narja de Castro, Anestesista; e Dr. Herbert Marcelo C. Lago;

3 – Portanto, em nenhum momento faltou médico no Hospital Antonio Pontes de Aguiar, apesar disso, o HAPA não proíbe e considera positivo o acompanhamento de médicos particulares solicitados pelas famílias;

4 – A Direção do HAPA reconhece que muitas vezes a angústia de ter um familiar em situação de enfermidade gera incompreensões, mas vem a público esclarecer os fatos para tranquilizar a sociedade e fazer justiça à dedicação e a responsabilidade de nossos profissionais;

Dr. Marcelo Lago – Diretor do Hospital Antonio Pontes de Aguiar
Mônica Pontes – Secretária Municipal de Saúde”


Bom, o primeiro ponto é que segundo os familiares o nome do paciente informado na nota está errado, e que o mesmo foi atendido na UPA no último dia 16, não ontem. 

Em áudio o filho do paciente, Carlos Sérgio, desmentiu veemente a nota, dizendo que havia na unidade apenas o médico Dr. Raimundo, que por sua vez estava num procedimento cirúrgico na maternidade do município. Ouça o áudio AQUI! 

Além de Carlos, uma outra familiar acompanhou de perto o sofrimento do paciente, e se demonstrou indignada com o que chamou de "tentativa de tapar o sol com a peneira". Veja os prints: 


Uma briga entre organizações criminosas provocou a rebelião. Dois agentes prisionais foram feitos reféns 

Do G1 
Detentos do Centro de Recuperação Regional de Altamira, no sudoeste do Pará, fizeram uma rebelião por cerca de cinco horas na manhã desta segunda-feira (29). De acordo com a Superintendência do Sistema Penitenciário do Pará (Susipe), 52 detentos foram mortos, sendo 16 deles decapitados e o restante asfixiado. Dois agentes penitenciários, que chegaram a ficar reféns, foram liberados.

Uma briga entre organizações criminosas provocou a rebelião. Segundo a Susipe, internos do bloco A, onde estão custodiados presos de uma organização criminal, invadiram o anexo onde estão internos de um grupo rival. A Superintendência ainda não identificou os grupos.

Posteriormente, a sala foi trancada e os presos atearam fogo no local. A fumaça invadiu o anexo e alguns detentos morreram por asfixia, de acordo com a Susipe. A ação começou às 7h e terminou por volta das 12h.
Uma cúpula da Segurança Pública do Pará viaja para Altamira, para acompanhar o caso, na tarde desta segunda. A unidade prisional tem capacidade para 200 detentos, mas era ocupado por 311 presos.

Esse é o segundo maior massacre em presídios de 2019. Em maio, 55 presos foram mortos sob custódia do estado no Amazonas.
Antenor Ferreira 
Em reunião realizada na manhã desta segunda-feira, 29, a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem) discutiu com prefeitos e prefeitas, a solução para o bloqueio de recursos do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Diversos municípios maranhenses tiveram o recurso bloqueado ou retido, por conta de pendências financeiras.

Segundo o Coord. Jurídico da Famem, Guilherme Mendonça, o bloqueio é feito por funcionários da sede da Receita Federal, em Fortaleza/CE, e não está obedecendo o teto estabelecido em lei, que varia entre 9 a 15% da receita líquida dos municípios. 
O órgão está orientando os prefeitos atingidos, buscando sanar o problema por duas vias. Uma delas é a política, com a formação de uma comissão de prefeitos, que buscará soluções em Brasília, junto a Câmara dos deputados. Os custos serão arcados pela Famem. 

A outra alternativa é justamente a jurídica. A Famem já está em contato com a Receita Federal, visando resolver o problema. 

O órgão orienta como primeiro passo a ser adotado pelos prefeitos, a verificação da origem dos débitos. Muitos estão sendo prejudicados pelo descaso de gestões passadas, como é o caso da prefeita Leila Rezende, de Sucupira do Norte, que teve o FPM bloqueado, por conta de débitos de 2013, com o INSS. Ela que iniciou sua gestão em 2017, mencionou que os bloqueios tem tornado difícil administrar o município. 
Assim como Leila, o prefeito de Lago Açu do Maranhão, Alexandre Lavapel, mencionou as dificuldades enfrentadas. Ele disse que os bloqueios ocorrem sem aviso da Receita, impedindo que os municípios possam sana-los, ou ao menos evita-los. O prefeito disse  que  o funcionalismo e máquina pública estão prejudicados. 

A comissão de prefeitos que foi formado deverá ir a Brasília na próxima semana, enquanto que o corpo jurídico da Famem também buscará respostas, junto a Receita. 
Prefeitos e Famem juntos, pela estabilidade financeira dos municípios maranhenses 
Antenor Ferreira 
Saúde em Chapadinha, só de fachada. Imagem por ocasião da inauguração da "reforma" do HAPA 
Se buracos no corredor não foram o suficiente (Reveja), pasmem: a última do "Complexo Hospitalar" Antonio Pontes de Aguiar, em Chapadinha/MA, foi a de um ex deputado que socorreu um paciente na unidade, por não haver um médico sequer. Pense numa saúde "boa demais". 

A denúncia foi feita via facebook, por familiares do paciente, que por pouco não entrou na infinita lista de pessoas, que já perderam suas vidas no hospital. 

Se não fosse o ex deputado Levi Pontes de Aguiar, que sequer presta serviço ao município, sabe lá Deus o que poderia ter acontecido. Veja os prints: 


Antenor Ferreira 
Monumento em homenagem a São José de Ribamar, padroeiro do Maranhão 
A Prefeitura de São José de Ribamar/MA, região metropolitana de São Luís, divulgou abertura de concurso público para preenchimento de 74 vagas, nível médio e superior. Destas, 08 são destinadas a pessoas portadoras de necessidades especiais. 

As inscrições para o certame podem ser feitas até às 18h do dia 07 de agosto, conforme edital, disponível no site www.fsadu.org.br, onde as inscrições podem ser feitas. 

As taxas de inscrições são de R$ 85,00 para nível superior, e 65,00 para nível médio. Veja o quadro de vagas: 

Com informações do Imirante 

Desde que deu entrada no hospital São Domingos, após um acidente vascular cerebral, o prefeito de Paço do Lumiar, Domingos Dutra, tem passado por situações um tanto quanto inusitadas.
A situação um tanto quanto curiosa, imposta por Núbia, tem alarmado até mesmo os funcionários do hospital
A primeira situação foi o impedimento de que a imprensa tivesse acesso ao boletim médico do político. Agora, a situação ficou ainda mais séria. A mulher de Dutra, a secretária municipal de Paço do Lumiar e primeira-dama, Núbia Dutra, estaria impedindo a entrada dos próprios filhos do político para visitar o pai.

Impedidos por Núbia, os filhos Daniel Dutra e Domingos Dutra Neto devem agora entrar na Justiça, com mandado de segurança, para que possam saber o verdade estado de saúde de Domingos Dutra.

A situação um tanto quanto curiosa, imposta por Núbia, tem alarmado até mesmo os funcionários do hospital, que já têm conhecimento que só podem permitir o acesso dos filhos após o mandado de segurança.

Pelas poucas informações que se sabe, o prefeito está na UTI após passar por uma cirurgia na cabeça para a retirada de coágulo após o AVC. O quadro é ainda é delicado.
Um corpo um homem de 25 anos foi encontrado carbonizado na tarde deste domingo (28/07), dentro da cabine de uma carreta carbonizada, na BR-135, próximo ao município de São Gonçalo do Gurguéia, no Extremo Sul do Piauí. 
Corpo encontrado carbonizado
O cadáver foi encontrado no caminhão truck de placas GOW-8691 e carroceria NFH- 7887/Piracicaba (SP.) Pela forma como o corpo foi localizado, acredita- se que ele tenha ficado preso as ferragens.
Placa do caminhão truck
Segundo a PRF, os veículos envolvidos no acidente foram um Volvo FH 12 conduzido por um homem 46 anos que teve lesões leves, a carreta Volvo NL 12 conduzido por um homem de 25 anos que morreu no local e um veículo Honda/Civic que tinha três ocupantes que saíram ilesos.

De acordo com levantamentos dos agentes da PRF que estiveram no local, uma das carretas ao descer um local de serra perdeu o controle tombou na pista de rolamento e colidiu frontalmente com outra carreta envolvendo um veículo de passeio que também se envolveu no acidente. A colisão deu início a um incêndio imediato tomando conta dos três veículos.

Neste momento a pista está totalmente liberada. A pessoa falecida foi encaminhada ao IML para os devidos procedimentos. Os agentes ainda estão tentando identificar os ocupantes do veículo HONDA CIVIC. Ocorrência em andamento.

Veja vídeo: 

Antenor Ferreira 

Mais um caso triste de tentativa de feminicídio, seguido de suicídio, é registrado no Maranhão, dessa vez no município de São Domingos do Maranhão, distante 387 km de São Luís. .
O policial militar Euclides Filho, que ingressou na PM em 2014, e foi promovido a cabo recentemente, recorreu ao suicídio, após atirar contra a ex-namorada. O fato lamentável ocorreu por volta das 20:30h deste domingo, 28, nas imediações da praça do Farol e lagoa do Zé Feio.

Segundo informações, o policial teria discutido com a ex namorada, que chegou a quebrar sua motocicleta. Ele sacou um revólver e atirou contra ela, e em seguida recorreu ao suicídio, disparando contra a própria cabeça.

O PM foi socorrido e levado para um hospital de Presidente Dutra, mas acabou morrendo

Colegas do militar relataram que ele mantinha caso com outra pessoa, porém era muito pressionado pela ex-companheira. 

Euclides era natural de Barra do Corda, onde exerceu a função de Guarda Municipal, pouco antes de ser aprovado em concurso da PM. 
Construído pela Codevasf, financiado com recursos públicos federais provenientes de emenda parlamentar impositiva do deputado Hildo Rocha, foi inaugurado o Sistema de Abastecimento de Água, completo, do povoado Guarimã, no município de Chapadinha. O Sistema é composto por poço de grande profundidade, reservatório de 20 mil litros de água, subestação de energia elétrica e cinco mil metros de rede de distribuição.
A entrega aconteceu no final de semana passada, durante ato liderado pelo superintendente Codevasf no Maranhão, Jones Braga. O deputado Hildo Rocha; a ex-prefeita Belezinha; o ex-secretário de Obras, Aluísio Santos; os vereadores Alberto, Tote e Itamar Macedo, participaram do evento que contou com a presença do presidente da Associação dos Moradores do Guarimã, Ribinha. Centenas de moradores da localidade também prestigiaram a inauguração.


Conforto e saúde

Hildo Rocha destacou que o empreendimento beneficia mais de 80 famílias. “Eu coloquei os recursos, por meio de emenda de minha autoria, o presidente Jair Bolsonaro liberou o dinheiro, o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, foi muito atencioso conosco e acelerou a liberação, e o superintendente da Codevasf, Jones Braga foi competente e eficiente na execução das obras. Ele fez a licitação, a contratação e executou a obra que ficou de excelente qualidade. É uma obra que proporciona conforto e saúde para as famílias beneficiadas com o nosso trabalho”, disse o parlamentar.



Desejo da comunidade atendido

O deputado ressaltou que a concretização da obra atende a um antigo desejo da comunidade. “Belezinha, juntamente com Aluísio e vereadores que integram o grupo liderado pela ex-prefeita pediram o meu apoio a fim de resolver o problema histórico da falta de água da comunidade Guarimã. Eu lutei e consegui os recursos. Hoje, temos a felicidade de ver a satisfação das famílias que agora tem água de qualidade dentro das suas casas. Além do conforto essas pessoas passam a usufruir de um benefício importante para a saúde”, argumentou Hildo Rocha.


Ação do governo Bolsonaro

O superintendente da Codevasf, Jones Braga, enfatizou que a entrega da obra é mais uma ação que o governo do presidente Jair Bolsonaro realiza em benefício de comunidades rurais do Maranhão.


“Estamos entregando um sistema que abastece a comunidade com água de qualidade melhorando assim a saúde das famílias. Essa obra foi viabilizada por emenda parlamentar do deputado Hildo Rocha que se sensibilizou com a situação e conseguiu os recursos para a Codevasf fazer a obra, tenho que ressaltar que o ministro Canuto, por determinação do presidente Jair Bolsonaro, tem priorizado os investimentos para o Maranhão”, sublinhou Braga.

“Estamos todos de parabéns, principalmente os moradores da comunidade do Guarimã. Agradeço especialmente ao deputado Hildo Rocha; também ao Aluísio Santos; ao Ribinha; ao Goió e a todas as pessoas que nos ajudaram a realizar esse grande sonho da comunidade. Essa equipe se mobilizou, nós nos esforçamos, trabalhamos e conseguimos. O sonho virou realidade”, declarou Belezinha.


“A Codevasf tem o compromisso de só entregar sistemas que ofereçam água de boa qualidade. Quero, portanto agradecer ao deputado Hildo Rocha que disponibilizou parte de suas emendas para ajudar a população de Chapadinha e parabenizar Jones Braga por mais um trabalho tão importante realizado em benefício da população chapadinhense. Muito nos honra ter participado do esforço que resultou nessa grande conquista para o nosso município”, comentou Aluísio Santos.

“O nosso sentimento é de emoção e gratidão. Agradeço ao deputado Hildo Rocha por ter ouvido a gente. Ele nos garantiu que iria fazer essa obra que hoje é um sonho realizado. Estamos felizes”, declarou Ribinha, presidente da Associação dos Moradores do Guarimã.

Assista o vídeo: 

Clique na imagem e confira!

Clique na imagem e saiba mais!

Nos Siga no Facebook

Mais lidas da semana

Ouça a rádio voz de arari!

Arquivo da página