MARANHÃO

BAIXO PARNAÍBA

BRASIL e Mundo

ELEIÇÕES 2020

Videos

Você está em

Moro diz a Bolsonaro que sai se diretor-geral da Polícia Federal for demitido

Um dia depois de ter sido avisado por Jair Bolsonaro de que o comando da Polícia Federal seria trocado, o ministro da Justiça, Sergio Moro, avisou nesta quinta-feira (23) ao presidente que pedirá demissão se confirmada a saída do diretor-geral da PF, Maurício Valeixo.
O ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sérgio Moro — Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
A intenção inicial de Bolsonaro era anunciar nesta sexta (24) o nome do substituto de Valeixo.
Desde o ano passado, o presidente Bolsonaro tem manifestado o interesse em trocar o comando geral da Polícia Federal para colocar alguém de sua confiança.
Em agosto, o presidente afirmou que pretendia substituir o superintendente da PF no Rio de Janeiro por razões de "produtividade". "Quem manda sou eu", afirmou na ocasião. Um dia depois, amenizou: "Tanto faz".
Moro avalia pedir demissão com possível troca na Polícia Federal
Antes de trocar Valeixo, no ano passado, o presidente fez substituições importantes em cargos de chefia na Polícia Federal, inclusive no Rio de Janeiro, base eleitoral dele e do filho Flavio Bolsonaro, senador. Moro conseguiu reverter outras mudanças desejadas pelo presidente.
As informações são do G1

Antenor Ferreira

Jornalista chapadinhense, 33 anos, apresentador de rádio e TV, e redator dessa página. Obrigado por sua visita! Siga-nos no insta: @antenor.oficial

Nenhum comentário:

Participe! Deixe seu comentário

Clique na imagem e confira!

Nos Siga no Facebook

Mais lidas da semana

Ouça a rádio voz de arari!

Arquivo da página