MARANHÃO

BAIXO PARNAÍBA

BRASIL e Mundo

CRIMES

Videos

Bebê de 2 meses morre por falta de nebulização na zona rural de Mata Roma

Antenor Ferreira 
Tristeza: Avó lamenta perda de bebê de 2 meses, por falta de nebulização 
Um caso no mínimo revoltante está chocando moradores de Mata Roma e de todo o Maranhão. 

Em vídeo que viralizou nas redes sociais uma avó em prantos lamenta a morte do neto, um bebê de apenas 2 meses de vida. A criança que residia no povoado Bonsucesso morreu por falta de uma nebulização. 

A morte do bebê ocorreu no último domingo (29), dois dias após ter sido atendido na UPA de Chapadinha, onde os pais receberam orientação médica para realizar procedimento de nebulização em casa, já que no povoado em que residiam existe a clínica Maria da Penha, recém inaugurada pela prefeitura. 

Segurando o bebê já morto nos braços a avó da criança, Elza, expressa sua indignação ao perder seu primeiro neto. Ela relata que a criança passou mal e mesmo com todos os medicamentos não tiveram como fazer o procedimento, por conta da negligência da suposta enfermeira da comunidade, Eliane (Dedé), que se negou a prestar o atendimento no domingo. 

A enfermeira teria dito que não atendia ninguém no domingo, mesmo o povoado ficando a cerca de 30 Km da sede do município, e com a vida da criança em risco. 

A mulher diz ainda que buscou pelo vigilante da unidade, que estranhamente alegou não ter as chaves. O resultado foi a morte de um inocente. 

"Quando nós precisamos eles dão as costas pra nós. Esse é o governo que nós tem em Mata Roma", afirmou a avó em um trecho do vídeo. 
Assista o vídeo: 

Agora leiam abaixo nota da prefeitura de Mata Roma, que além de carregar erros e não dizer coisa com coisa, e ainda confirma o pior, na clínica Maria da Penha existe o nebulizador que poderia ter salvo essa criança: 

Nota de Esclarecimento

A Secretaria Municipal de Saúde do município de Mata Roma, vem a público informar que o menor Italo ... que foi a óbito no último domingo (29/09/19), recebeu atendimento médico na UPA-

Chapadinha no sábado (28/09/19), 02 dias após apresentar sintomatologia inespecífica em domicílio. Foi assistido, orientado pelo médico plantonista a permanecer em Chapadinha por precaução e liberado, segundo relatos de familiares. No domingo evolue a óbito, já em seu domicílio.


Ressalta-se que o atendimento que acriança necessitava era de abrangência urgente/emergente, sendo ofertado apenas em Hospital de Urgência e Emergência de onde haviam retornardo, necessitando de acompanhamento e conduta médica.


Ressaltamos ainda que a Clínica de Saúde Maria da Penha possue Nebulizador disponível, sendo usufruído diariamente pela população do Povoado Bom Sucesso.

Siga o blog no FacebookInstagram e Twitter 

Antenor Ferreira

Jornalista chapadinhense, 33 anos, apresentador de rádio e TV, e redator dessa página. Obrigado por sua visita! Siga-nos no insta: @antenor.oficial

Nenhum comentário:

Participe! Deixe seu comentário

Nos Siga no Facebook

Mais lidas da semana

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Ouça a rádio voz de arari!

Arquivo da página