MARANHÃO

BAIXO PARNAÍBA

BRASIL e Mundo

CRIMES

Videos

Prefeito Magno Bacelar não doa uma máscara à população de Chapadinha mas impõe multa de até 2 mil reais para quem não usar

Antenor Ferreira 

Em nossas edições da TV Antenados, transmitidas diariamente às 20h no Facebook (Clique AQUI e veja edição de ontem e AQUI para seguir a página), temos feito duras críticas a Prefeitura de Chapadinha/MA, por conta de sua inércia diante do cenário de pandemia do coronavírus. 
Prefeito de Chapadinha, Magno Bacelar, durante coleta de sangue para exames 
O último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde apontou o total de 65 casos confirmados da doença. Um aumento de 64 casos em 34 dias, a contar do útimo 02 de Abril, quando a Prefeitura permitiu a reabertura do comércio local e outras medidas. 
Boletim epidemiológico de Chapadinha, com números de infectados e bairros 
O mais intrigante de tudo é a ausência de respostas quanto ações e uso das crifras milionárias que recebeu o município nesse período de pandemia. As duas primeiras bagatelas somam mais de 1 milhão e 200 mil reais. 

Na live da noite do último domingo (03), mostramos na TV Antenados que o município será contemplado com mais 6,7 milhões para enfrentamento da pandemia da Covid-19. O recurso é proveniente da divisão de 25 bilhões de reais aprovados pelo senado. (Clique AQUI e assista). 

É muito dinheiro para quase zero de atividade, isso sem esquecer que o secretário de saúde do município, Eli Monteiro, afirmou em vídeo publicado nas redes sociais do município que foram gastos mais de 100 mil reais em 23 dias de barreiras sanitárias, outrora montadas nas duas entradas do município. (Clique AQUI e relembre) 

Enfim, faltam linhas para descrever tanto descalabro e a coisa só vai de mal a pior. 

Na noite desta terça-feira (05), foi divulgado novo decreto editado pelo prefeito Magno Bacelar (PV), que torna obrigatório o uso de máscaras do município e prevê a aplicação de multas que variam entre R$ 100,00 a 2 mil reais para quem o descumprir. 

Soa como sarcástico tendo em vista que a Prefeitura com tanto dinheiro recebido não se dignficou a doar uma única mascára sequer, seguindo o exemplo de municípios vizinhos como Urbano Santos (doação de 30 mil), São Benedito do Rio Preto (10 mil), Belágua (6 mil), e outros, onde inclusive houve o fomento da economia, com a aquisição de máscaras confeccionadas por mão de obra local, seguindo todas as orientações sanitárias impostas pelo Ministério da Saúde. 

Agora pergunto ao caro internauta: não seria muito mais digno a Prefeitura primeiro doar as máscaras, conscientizar a população, para então falar em multas? 

Me envergonha a postura do poder executivo, que tá aí sentado e nadando em dinheiro, enquanto que o número de pacientes com coronavírus dispara, a população corre risco, ah, e antes que eu esqueça, o prefeito ainda resolve gastar em meio a tudo isso quase 200 mil reais com a compra de dois veículos, ao invés de ao menos um respirador mecânico, já que ele próprio afirmou que em Chapadinha existem apenas 13 respiradores. 03 na UPA e 10 no hospital macrorregional, o qual o nome já deixa claro que a responsabilidade é para com toda região. 

Abaixo o decreto que estipula as multas e logo em seguida as empresas vencedoras do certame para compra dos veículos: 



Comrpa de veículos: 


Antenor Ferreira

Jornalista chapadinhense, 33 anos, apresentador de rádio e TV, e redator dessa página. Obrigado por sua visita! Siga-nos no insta: @antenor.oficial

Nenhum comentário:

Participe! Deixe seu comentário

Clique na imagem e confira!

Nos Siga no Facebook

Mais lidas da semana

Ouça a rádio voz de arari!

Arquivo da página